Xplora

Dica do que fazer na Filadélfia – Tour dia 2

O segundo dia do tour começou com um super café-da-manhã (em casa!) e depois fomos para a parte histórica da cidade, conhecida como Old City. Filadélfia é uma das cidades mais importantes em termos de história americana, porque foi onde declararam a independência dos Estados Unidos e onde fizeram a primeira (e única) constituição do país em 1776.

Tour:
Existem várias maneiras de fazer o tour: a pé, de carruagem, de taxi, de ônibus de turismo. Nós fizemos a pé e acho que valeu a pena. Estava um dia lindo, e caminhamos mais ou menos 2 horas e meia para ver tudo.

1- Antes de tudo, ir no Visitor Center, comprar os tickets para o National Consitution Center e retirar os tickets free para Independence Hall. Compramos também para Betsy Ross House, que é a casa da mulher que fez a primeira bandeira americana, mas não recomendo….é só uma casinha normal. Nada demais.

2- National Constitutional Center – achei bem interessante. Você entra em uma sala e eles contam um pouco da história da constituição americana e passam as informações mais importantes, é bem legal. Depois, fomos caminhando pelo corredor na saída da sala e lá tem diversas informações sobre a evolução da história americana. Achei muito legal ver um mapa bem pequeno que tem logo no começo do corredor que mostra o que eram os Estados Unidos daquela época e era beeeem menor do que é hoje! Achei legal também um tipo stand que você pode fingir que está lendo a consituição e aparece uma câmera como se fosse o presidente falando. Não podia tirar foto dentro, então, as únicas que eu tenho, são as “interagindo” com os presidentes!

3- Elfreth’s Alley – a primeira rua residencial do país. Muito fofa. Casinhas pequenas, decoradas, numa rua muito bonitinha! Tem gente que realmente mora nesses casas até hoje.

4- Sino quebrado – o Sino é um símbolo americano da liberdade e independência e o sino oficial da independência fica na Filadélfia. Ele foi quebrado enquanto ficou escondido durante a guerra e hoje ele fica exposto para visitas.

Enquanto estávamos lá, por coincidência, tinha um grupo bem grande de americanos protestando contra o aumento dos impostos e contra a crise dos Estados Unidos. É a primeira vez desde 1930, que os americanos saem às ruas para protestar.

5 – Independence Hall – Entramos na sala onde foi assinada a Independência pelo Thomas Jefferson, Washington e outros importantes políticos da história americana. Eles contam a história de uma maneira didática e interessante. Achei que valeu à pena a visita.

6 -Saímos da parte histórica e fomos para um restaurante dentro de um barco que fica no Rio da Filadélfia. Chama Moshulu. É bem legal de conhecer, mas infelizmente a parte ao ar livre só fica aberta no verão, então acabamos não ficando por lá.

7- Fomos comer Philly Cheese Steak no Pat’s. Philly Cheese Steak é a comida mais típica de Philly. É basicamente um sanduíche de rosbife com cheddar. Nada de impressionante, mas é passagem obrigatória por aqui. Se pode comer em qualquer lugar da cidade, mas os famosos são Pat’s ou Gino’s. Eles ficam um em frente ao outro. Tem filas enormes, mas anda bem rápido.

8- De lá fomos descansar um pouco porque tínhamos caminhado o dia todo. A noite, saímos para jantar. Fomos no Amis, restuarante italiano do mesmo dono do Vetri e do Osteria, dois famosos por aqui. O ambiente é bem legal, e a comida estava boa.

Muito legal visitar Filadélfia com olhos de turista. É realmente importante dedicar um tempo a conhecer o lugar onde moramos!

Clique aqui para ver o tour do dia 1.

Clique aqui para ver o tour do dia 3 e 4.

Clique aqui para ver todas as dicas da Filadelfia.

Sobre o autor Ver todos os posts

Dri Lima

Dri Lima

Adriana deixou o mundo corporativo para trabalhar com suas paixões: viagem, cultura, gastronomia. Já visitou mais de 40 países e ama descobrir lugares e pessoas especiais na sua cidade (São Paulo) ou nos lugares em que visita. É fundadora do Sabiar (www.sabiar.com), uma empresa de lazer criativo que descobre e cria experiências incríveis no Brasil e no mundo.

3 comentáriosDixe um comentário

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *